[Resenha] A Menina Que Fazia Nevar


 



  A Menina Que Fazia Nevar é o primeiro romance extraordinariamente emocionante e envolvente da autora britânica Grace McCleen , lançado no Brasil no dia 16 de Janeiro de 2013 pela Companhia das Letras - Editora Paralela .

"Era manhã quando acordei. O ar estava frio e denso. Pesava sobre mim como um cobertor, e o cobertor estava frio. Saí da cama. Puxei as cortinas. O mundo inteiro estava branco."

  O livro relata a vida de Judith McPherson, uma menina de dez anos que mora com seu pai, John McPherson, em uma pequena cidade no Reino Unido. Todos os dias são iguais para ela devido à sua rotina de escola durante a semana, sair para pregar com o pai aos sábados e ir aos encontros com os irmãos aos domingos na congregação fundada por seus pais antes dela nascer.

  Ela sofre constantemente em sua escola com os constrangimentos que é submetida por seus colegas de classe que são mais velhos, principalmente por Neil Lewis, tudo é difícil no colégio, e em casa também, seu pai é um homem rigorosamente religioso, ele trabalha na fábrica da cidade e sustenta tudo sozinho desde que sua mãe morreu por conta de uma hemorragia muito forte ao dar-lhe a luz.

  Judith se sente culpada por seu pai ter se tornado um homem tão frio, pois ela vê nas fotos dele com sua mãe como ele era um homem feliz, e que agora estava amargo e triste o tempo todo. Em meio a tantos problemas, ela encontra consolo e tranquilidade no seu quarto, em sua maquete de mundo feita de sucata e todo tipo de material que ela denominou 'Terra Gloriosa'.

  Depois que Deus concede dons a Judith , ela tenta fazer tudo melhorar um pouco em relação à sua vida na escola e com o pai, ter poderes não é tão simples de se administrar, algumas coisas mudam de uma forma positiva, mas isso trás consequências desastrosas que ela não esperava e então procura desesperadamente consertar o que causou antes que o Armagedon chegue e o mundo acabe.

  A história é dividida em cinco partes : Livro I - Instrumento de Deus, Livro II - O Efeito Bola de Neve, Livro III - Matéria Escura, Livro IV - A Ovelha Desgarrada e Livro V - O Fim do Mundo.







  O livro é meio chatinho no começo, mas depois que as páginas avançam parece que alguma coisa faz a pessoa não querer parar de ler. Ele mistura comédia, drama, tensão e entusiasmo e é isso que hipnotiza tanto quem o está lendo, a história toda chama atenção pois ao longo dos capítulos coisas novas e surpreendentes acontecem, então quando a leitura é interrompida, você fica com "o que será que vai acontecer ??" na cabeça e não aguenta de ansiedade para abri-lo novamente e descobrir.

  Grace narra de forma espetacular os problemas de Judith e o jeito como ela luta em busca de soluções para resolvê-los , tudo o que acontece com ela também ocorre na vida de muitas pessoas de vários lugares (exceto a parte de ganhar poderes e conversar pessoalmente com Deus , acredito que isso seja meio difícil de acontecer) , as dificuldades familiares e na escola sempre estarão presentes onde quer que você vá .

  Os personagens são ótimos , acho que se tivesse que escolher os melhores ficaria com a sra. Pew , que é a vizinha velha e quase completamente surda de Judith , o Irmão Michaels , um homem que visita a congregação e a oferece conselhos que fizeram toda a diferença em suas decisões , e a sra. Pierce , a professora substituta que a ajuda imensamente a lidar com seus problemas com Neil e os outros alunos que implicam com ela na escola .

  Uma parte que gostei muito foi um momento da conversa entre Judith e o Irmão Michaels , nem precisei marcar no livro , pois gostei tanto que não esqueci em qual página estava (35 kk) :

" "O que você está enfrentando é simplesmente medo" , ele disse. "Não que o medo seja simples; o medo é o inimigo mais traiçoeiro de todos. Mas coisas boas acontecem quando você o enfrenta."  Eu disse: "Não sei como alguma coisa boa pode acontecer por isso".  "Então comece a olhar para as coisas de um jeito diferente. É incrível como todos os problemas que a gente achava que não tinham solução desaparecem quando olhamos para as coisas a partir de outro ponto de vista."  Meu coração batia forte. "Seria bom mesmo", falei. "

  Tudo é muito bom , eu pelo menos , não tenho do que reclamar , me apaixonei pela história , pelos personagens e acontecimentos , o livro me fez refletir sobre as dificuldades da vida e em como todos , na maioria das vezes , lutam para superá-las . Quando comprei o livro imaginei uma história totalmente diferente da que li , confesso que gostei muito mais do que está escrito nele ao invés do que tinha em mente , me surpreendeu bastante , e eu amo quando isso acontece .

  A forma como a história acaba é maravilhosa , enquanto eu lia , sempre pensava no que iria acontecer no final , imaginei tudo o que podia , menos o que houve (lógico que não vou contar por que eu odeio spoiler). Fiquei muito satisfeita com o início , o meio e o fim , é um livro estupendamente bonito e agradável de se ler , daqueles que quando você termina deseja que tudo desapareça de sua mente , só para poder se encantar outra vez .

A Companhia das Letras produziu um vídeo promocional do livro , ficou muito fofo e bem feito . Confiram :


                                         


  Então é isso gente , espero que vocês tenham gostado da resenha (até por que foi a minha primeira e não sei se me saí bem rs) e que tenham despertado o interesse no livro , ele é ótimo e eu super indico !

-Obrigada por ler :)

7 comentários:

  1. Nossa , que interessante . Realmente eu fiquei muito curioso para ler
    (Entrou na lista de livros para 2015)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai que bom , fico feliz por isso .. leia sim , é maravilhoso
      e obrigada por ter lido a resenha

      Excluir
  2. Fiquei muito interessada no livro ... vou coloca-lo na minha lista de compras para 2015 e mais uma vez venho parabenizar a resenha ... é impressionante como conseguem descrever o livro e nos cativar a le-los .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada , eu fico muito contente em despertar nas pessoas o interesse pelo(os) livro(os) (:

      Excluir
  3. Adorei a resenha,livros baseados na imaginação e no mundo livre e puro que vivem as crianças realmente me interessam alem de ter essa capa super fofa!pretendo ler ele em breve.

    ResponderExcluir
  4. Fiquei interessado nesse livro por se tratar de uma garota que tem um pai frio e muito religioso que na maioria das vezes não aceita as decisões do filho. Tenho certeza que muitas pessoas se identificarão com esse livro após a leitura!

    ResponderExcluir